quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Recordando leituras

Não pode alcançar os astros quem vive a vida de rastros, quem é poeira do chão".
" Eu quase que nada não sei. Mas desconfio de muita coisa."
".. A gente só sabe bem aquilo que não entende.."
".. Tudo é e não é.."
" Mire e veja: O mais importante e bonito, do mundo é isto: que as pessoas não estão sempre iguais, ainda não foram terminadas - Mas que elas vão sempre mudando, Afinam ou desafinam."
João Guimarães Rosa - Em O Grande Sertão: Veredas

Nenhum comentário:

Postar um comentário