quarta-feira, 30 de março de 2011

Presidente Dutra cumpre agenda em Brasília-DF pela efetivação do Centro de Memória da Câmara.

O Presidente Luiz Humberto Dutra e a Diretora de Documentação e Pesquisa Sumayra Oliveira, estiveram em uma extensiva agenda de compromissos na capital federal para a criação do Centro de Documentação e Memória no prédio histórico da Câmara Municipal de Uberaba.

Pela manhã o Presidente e a Diretora estiveram no Centro de Documentação e Informação (CEDI) da Câmara de Deputados, onde se reuniram com o Diretor Adolfo Furtado, O Diretor do Arquivo (Coarq) Frederico Santos e a com Coordenação de Relacionamento, Pesquisa e Informação (Corpi), Cristiane Maia.

O Centro de Documentação e Informação (CEDI) compete coordenar, controlar e dirigir as atividades de documentação, informação e pesquisa legislativa, bibliográfica, arquivística e museológica da Câmara dos Deputados. A ele cabe, ainda, a edição de publicações, a preservação dos bens culturais e da memória legislativa nacional e a padronização da linguagem documentária da Casa, subsidiando todas as fases do processo legislativo no âmbito de suas atribuições.

Vários documentos da Câmara Municipal de Uberaba referente ao século XIX encontram-se sob a guarda do CEDI, com indicativo da primeira ata desaparecida de instalação da Câmara Municipal de Uberaba. “Há um ano vem sendo realizado um trabalho de detetive em busca dos documentos, aqui em Brasília descobrimos um acervo importante e estamos perto de achar à primeira da Câmara de Uberaba.” Afirma Sumayra.

Uma segunda agenda aconteceu no Ministério da Cultura em uma visita de cortesia ao senhor Elder Vieira chefe de gabinete do Secretário de Articulação Institucional José Roberto Peixe e após com o Chefe de Gabinete do Ministério do Esporte, Fernando Máximo.

Por último realizou-se uma audiência com o secretário nacional de Programas de Desenvolvimento do Turismo, Colbert Martins, para a criação de Centro de Documentação e Memória . Segundo Dutra, além de recuperar a memória e cultura do município, a idéia é também transformar o prédio de 1836 em atração turística. “Ao entrar no paço municipal, a pessoa fará uma viagem no tempo pela história da cidade”, ressaltou Dutra. Colbert, ao ressaltar a atenção que o MTur tem dado ao município, citou algumas obras apoiadas pelo ministério na região, como o Museu Chico Xavier, o Museu Paleontológico, o centro de informação ao turista e ações de sinalização turística. E ainda comprometeu-se em dar encaminhamento ao projeto da Câmara Municipal de Uberaba para avaliação de viabilidade técnica.

De Brasília, Sumayra Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário